Representantes do GDF estão na República Tcheca participando do programa de desenvolvimento regional e sustentável da União Europeia

Ricardo Callado10/04/20196min
Maria Cristina Coimbra Marodin, chefe da unidade de Recursos Hídricos da Secretaria Meio Ambiente do Distrito Federal, e Tomáš Cílek, representante do governo da região de Boemia do Sul.

O primeiro encontro entre as regiões ocorre em Boemia do Sul e busca o intercâmbio de soluções e cooperação em projetos de desenvolvimento sustentável e regional alinhados a uma estratégia de inovação regional

No âmbito da Cooperação entre regiões do Programa Internacional de Cooperação Urbana (IUC) lançado pela União Europeia, representantes do Governo do Distrito Federal e Boemia do Sul (República Tcheca) se encontrarão na próxima semana para a primeira reunião de trabalho para início do projeto de desenvolvimento regional e urbano sustentável. A delegação de Brasília terá a oportunidade de conhecer alguns programas tchecos de economia circular com foco no nexo água, alimento e energia, além de verificar tecnologias aplicadas para geração distribuída de energia limpa e para o desenvolvimento de casas e condomínios autossuficientes.

A iniciativa do Programa Internacional de Cooperação Urbana (IUC) apoiará a consecução de objetivos políticos em nível regional e relacionados a importantes acordos internacionais sobre desenvolvimento regional e urbano sustentável. Inclui aspectos relacionados à mudança climática, como a Agenda Urbana, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e o Acordo sobre Paris, bem como objetivos relacionados à Estratégia Europeia Horizonte 2020 através da cooperação internacional em inovação para o desenvolvimento local e regional.

Durante esta semana, a delegação brasileira composta por representantes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA-DF), Secretaria de Estado da Agricultura (SEAGRI-DF) e Federação da Indústria de Brasília participarão de uma agenda de reuniões e visitas a projetos com o governo regional de Boemia do Sul voltados à inovação, crescimento econômico, cooperação entre empresas, inserção em cadeias de valor globais, desenvolvimento sustentável, energia limpa, gestão de resíduos urbanos e preservação do meio ambiente.

Entre os compromissos estão o encontro com as Câmaras de Comércio, Agricultura e Meio Ambiente de Boemia do Sul, visitas aos Centros de Agricultura e Proteção da Água da Universidade da Boémia do Sul, onde será apresentado um projeto experimental de aquaponia e um sistema de recirculação de criação de peixes como futuro da indústria pesqueira.

A delegação brasileira também terá a oportunidade de conhecer a produção local de energia independente e sistemas fora da rede, e olhar um estudo do uso de células solares combinadas com unidade de bateria de monitoramento e balanceamento de carga, controlado por aplicativo, além de participar da instalação de um sistema de bateria solar combinada no reservatório de distribuição de água perto da capital České Budějovice.

Ainda este ano, representantes de Boemia do Sul visitarão Brasília para a segunda parte do intercâmbio, quando será finalizado o plano de ação de ambas as cidades e formulado um projeto piloto para ser trabalhado em conjunto.


Sobre IUC
O Programa Internacional de Cooperação Urbana (IUC) tem como objetivo apoiar regiões do mundo para conectar e compartilhar soluções para problemas comuns em relação ao desenvolvimento urbano e regional sustentável, cooperação entre empresas e da luta contra as Mudanças Climáticas.

A iniciativa comunitária está baseada em três áreas principais: a cooperação entre as regiões, que proporcionará uma plataforma para o intercâmbio de conhecimentos e melhores práticas em desenvolvimento urbano e sustentável; o estabelecimento de uma aliança global de prefeitos para o Clima e a Energia; e, para a América Latina, um programa de intercâmbio entre regiões para estimular o desenvolvimento econômico por meio inovação, competitividade e especialização inteligente.

Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México e Peru são os países da América Latina que estabelecerão 20 cooperações com as regiões da UE de 2017 a 2019, que estimularão o desenvolvimento e o fortalecimento de estratégias regionais envolvendo pequenas e médias empresas (PMEs), e promoverão uma cadeia internacional de valor.

Ricardo Callado

Jornalista, blogueiro, escritor e consultor político. Exerceu a função de secretário de Comunicação Social do Governo do Distrito Federal. Foi Diretor de Redação do Grupo Comunidade de Comunicação – responsável pelos jornais da Comunidade e O Coletivo. É autor do livro PANDORA – e outros fatos que abalaram a política de Brasília.


Comente esta publicação

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com (*) são obrigatórios.

 


Sobre o Blog

Aos 14 anos, o Blog do Callado é um veículo consolidado, admirado por seus leitores e em sintonia com o público alvo: a população brasiliense. O blog é um site de opiniões e notícias com atualização diária, sem cunho ideológico. Dedica-se a oferecer aprimoramento da informação, com uma audiência qualificada.


NOS BASTIDORES DA CAIXA DE PANDORA

Pandora




Mídias Sociais

Twitter do Blog


FANPAGE Facebook

Facebook By Weblizar Powered By Weblizar



Parcerias