20/04/2019 Brasília - DF 24°C

Falta de acordo para superar veto impede votação de créditos

Ricardo Callado28/02/20183min

Acordo feito por líderes de bancadas e partidos com representação na Câmara Legislativa previa a apreciação de vetos do governador Rodrigo Rollemberg nesta terça-feira (27). Entre eles, a votação do veto total ao projeto de lei nº 951/2016, do deputado Chico Vigilante (PT), estabelecendo procedimentos para a participação popular na escolha de administradores regionais – matéria de projeto enviado pelo governo neste mês.

Disputas entre favoráveis ao texto de Vigilante e ao cumprimento do acordo costurado no Colégio de Líderes e aqueles da base governista, que defendiam a priorização na tarde desta terça projetos do Executivo abrindo créditos suplementares ao Orçamento, acabaram inviabilizando a votação de qualquer proposição.

As disputas geraram desgastes para ambos os lados. Contrariados, alguns distritais que contavam com a aprovação dos créditos ainda nesta terça – bem como de emendas ao texto original – chegaram a declarar não mais apoiar o projeto do colega sobre a eleição de administradores regionais.

O deputado Rodrigo Delmasso (Podemos), por exemplo, argumentou ter pedido a compreensão de Vigilante para inverter a pauta e votar hoje recursos para um encontro sobre epilepsia no DF e que, não podendo contar com esse apoio, agora irá votar pela manutenção do veto ao PL nº 951/2016, apesar de considerá-lo melhor do que o texto enviado pelo Buriti.

“Meu projeto foi votado e aprovado em dois turnos por unanimidade. O Legislativo tem de ser respeitado: tínhamos um acordo e, aos 45 do segundo tempo, o governo quer fazer gol de mão”, reclamou Vigilante, defendendo a derrubada do veto ao PL.

Já o líder do governo na Casa, deputado Agaciel Maia (PR), afirmou não ter como, pessoalmente, votar contra o Buriti, mas disse acreditar que Vigilante poderá conseguir os 13 votos necessários numa sessão com mais parlamentares presentes.

 

Ricardo Callado

Jornalista, blogueiro, escritor e consultor político. Exerceu a função de secretário de Comunicação Social do Governo do Distrito Federal. Foi Diretor de Redação do Grupo Comunidade de Comunicação – responsável pelos jornais da Comunidade e O Coletivo. É autor do livro PANDORA – e outros fatos que abalaram a política de Brasília.


Comente esta publicação

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com (*) são obrigatórios.

 


Sobre o Blog

Aos 14 anos, o Blog do Callado é um veículo consolidado, admirado por seus leitores e em sintonia com o público alvo: a população brasiliense. O blog é um site de opiniões e notícias com atualização diária, sem cunho ideológico. Dedica-se a oferecer aprimoramento da informação, com uma audiência qualificada.


NOS BASTIDORES DA CAIXA DE PANDORA

Pandora




Mídias Sociais

Twitter do Blog


FANPAGE Facebook

Facebook By Weblizar Powered By Weblizar



Parcerias