Arquivos Destaques - Página 2 de 622 - Blog do Callado

seca-em-brasilia.jpeg

Ricardo Callado13/09/20193min
Galhos retorcidos, tronco curto: a silhueta típica da árvore do Cerrado | Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília

A Defesa Civil informou, via SMS, a população cadastrada no sistema de alerta do órgão

Há dois dias consecutivos com registro de umidade relativa do ar abaixo de 12%, a Subsecretaria do Sistema De Defesa Civil declarou estado de emergência no Distrito Federal nesta quinta-feira (12/9).

“A medida foi tomada na última semana, mas após três dias com umidade acima de 20%, nesta segunda-feira (9/9) voltamos ao estado de alerta”, explicou o subsecretário do Sistema de Defesa Civil, coronel Sérgio Bezerra.

O Subsecretário alerta para o cuidado especial com crianças e idosos. “É necessário ter atenção especial com estes públicos, pois são os mais afetados neste período”.

A Defesa Civil informou, via SMS, a população cadastrada no sistema de alerta do órgão sobre a decisão. Para solicitar o recebimento de alertas, o interessado deve enviar o CEP para o número 40199.

As principais recomendações do órgão são:

🏋🏽‍♀️Evitar a prática de atividades ao ar livre no período de 10h às 17h

🚰Aumentar a ingestão de líquidos

🚿Evitar banhos prolongados com água quente e muito sabonete

❄Evitar o uso excessivo de ar-condicionado

🌞Usar protetor solar

Além do estado de emergência, a Defesa Civil classifica os níveis de umidade em mais dois tipos: o estado de atenção, quando a umidade fica entre 30% e 20% por cinco dias e o de alerta, quando a umidade ficar abaixo de 20% por três dias consecutivos.

* Com informações da Secretaria de Justiça


caixa.jpg

Ricardo Callado13/09/20193min

As agências da Caixa terão horário ampliado, nesta sexta-feira (13), para atender os trabalhadores que têm direito a sacar até R$ 500 das contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Assim, as agências, que normalmente abrem às 11h, vão iniciar o atendimento às 9h. Aquelas que abrem às 10h, iniciarão os trabalhos às 8h e as que abrem às 9h atenderão a partir das 8h e terão uma hora a mais ao final do expediente. No caso de agências que abrem às 8h, serão duas horas a mais ao final do horário de atendimento.

O horário de atendimento ampliado também vale para a próxima segunda (16) e terça-feira (17).

O banco fará o depósito automático para quem tem conta poupança no banco, seguindo calendário do mês de nascimento do trabalhador. Quem nasceu em janeiro, fevereiro, março e abril recebe primeiro. Os próximos a ter acesso ao saque são os nascidos em maio, junho, julho e agosto, no dia 27 deste mês. Em seguida, no dia 9 de outubro, será a vez os nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro.

Segundo a Caixa, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. Os clientes do banco que não quiserem retirar o dinheiro têm até 30 de abril de 2020 para informar a decisão em um dos canais divulgados pela Caixa: site, Internet Banking ou aplicativo no celular.

Os clientes da Caixa que têm conta corrente podem fazer o pedido de crédito em conta por meio dos canais de atendimento

Para aqueles que não têm conta poupança na Caixa, aberta até o dia 24 de julho de 2019, ou conta-corrente, o calendário começa no dia 18 de outubro, para os nascidos em janeiro, e vai até 6 de março de 2020, para os nascidos em dezembro.

Saiba como sacar o pagamento do FGTS aqui.

*Com informações da repórter Kelly Oliveira, da Agência Brasil


DIVULGAÇÃO-2.jpg

Ricardo Callado13/09/20194min

“El Tango es el Tango” trará o que há de mais genuíno sobre a música, dança e poesia portenha. Com 30 bailarinos, será apresentação única, em 20 de setembro, na Funarte

 O público de Brasília não vai precisar ir longe para se sentir em Buenos Aires. Trinta bailarinos vão subir ao palco do Teatro Plínio Marcos, na Funarte, para apresentar um genuíno espetáculo de tango na capital.

“El Tango es el Tango”, estreia, por aqui, na próxima sexta-feira (20/9), em apresentação única. Uma superprodução que vai contar com música ao vivo e toda a atmosfera e glamour das noites portenhas, com dança, música e poesia. A apresentação tem duração de uma hora, das 19h30 às 20h30, e promete mexer com os sentidos dos espectadores.

No início do ano, o espetáculo passou por Goiânia (GO) e foi sucesso de público, com vendas esgotadas. Agora é a vez da Brasília receber o elenco, que tem renome nacional e internacional.

Paula Emerick e Juliano Andrade, por exemplo, diretores e bailarinos do espetáculo, são os atuais campeões brasileiros de tango de pista. Além disso, foram consagrados campeões do Campeonato de Baile de la Ciudad de Buenos Aires, na categoria Milongueros del Mundo.

De acordo com a dupla, a ideia do espetáculo surgiu da necessidade de desmistificar o senso comum sobre o tango. “Ele não é só uma dança sensual. O tango é música, poesia, uma expressão cultural. Pode ser alegre, triste, dramático, sutil, tradicional, moderno. É nada mais do que o reflexo da vida e da sociedade em si, mas também tem seus próprios códigos e matizes”, explica Juliano.

Paula vai além: “Queremos compartilhar nossa visão sobre o tango, partindo da nossa experiência de muitos anos de pesquisa e vivência intensas da cultura portenha e temos certeza de que o público vai se identificar e se emocionar com a mensagem que vamos passar.”

SERVIÇO

O que: Espetáculo “El Tango es el Tango”

Data: 20/9/2019, sexta-feira

Onde: Teatro Plínio Marcos, no Complexo Cultural da Funarte, localizada no Eixo Monumental – Setor de Divulgação Cultural, entre a Torre de TV e o Clube do Choro.

Horário: das 19h30 às 20h30

Ingressos: R$ 35 (meia-entrada); 70 (inteira).

Para comprar, clique aqui.

FICHA TÉCNICA

Direção: Juliano Andrade e Paula Emerick

Coordenação: Guilherme Monteiro

Produção: Tango Salão em Pauta e Juliano Andrade & Paula Emerick

Assistente de Produção: Eliane Emerick

Iluminação e operação: Allan Lourenço

Som e operação: Vinicius Andrade


Gusttavo-Lima.jpg

Ricardo Callado13/09/20195min

Evento acontece no dia 12 e o Embaixador escolheu Xand Avião, Simone e Simaria e Gustavo Mioto como convidados especiais

Considerado um dos maiores eventos do Brasil, o Buteco do Gusttavo Lima promete arrastar todos os brasilienses, no próximo dia 12 de outubro, no Estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha. O festival é um evento grandioso e que propõe um repertório com grandes clássicos do sertanejo romântico, raiz e modão na voz do Embaixador. Ingressos custam a partir de R$90. 

Vale ressaltar que o projeto visa o resgate de sucessos da música sertaneja que fizeram parte do início da carreira do cantor, como a fase de “barzinhos”, com regravações de artistas consagrados e, o mais importante, hits compostos pelo próprio Gusttavo, que têm sido número um nas rádios e plataformas digitais de todo o Brasil.  

O sertanejo lançou recentemente a música “Quem traiu levou” a primeira disponível do novo DVD “O Embaixador in Cariri”. 

Convidados

Além do Embaixador, que é o próprio idealizador do evento, Gusttavo Lima escolhe algumas atrações para estarem em cada edição de seu Buteco. Já participaram a dupla Bruno e Marrone, Xand Avião, Dilsinho, Bell Marques, entre outros. 

Para a edição do Buteco de Brasília, o Embaixador optou por Xand Avião, Simone e Simaria e Gustavo Muito, que são artistas que também estão no auge de suas carreiras e prometem agitar o público brasiliense.

Além do mais, o evento contará com uma mega estrutura composta por diversos ambientes, distribuídos em setores e proporcionando um espaço aconchegante para todos os fãs. Para o público que participará do show, terão duas áreas: uma é o Apelido Carinhoso, que está à partir de R$ 90 e a segunda é a Embaixador que ingressos custam entre R$180 e R$360. 

De acordo com a produção que tem o Escritório Balada, Áudio Mix, R2 e Clube FM a frente do evento  “iremos oferecer uma visão privilegiada onde o público poderá desfrutar de uma experiência única e acompanhar todos os momentos do show mais esperado por Brasília”. 

Serviço

Buteco do Gusttavo Lima 

Data: 12 de outubro

Hora: Abertura dos portões 15h

Local: Estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha

Ingressos: 

Área Apelido Carinhoso 

R$90 meia R$180 inteira

Área Embaixador

R$180 meia R$360 inteira

A venda no www.ticmix.com 


fraga.jpg

Ricardo Callado12/09/20192min

Por unanimidade, os desembargadores entenderam que a sentença deve ser anulada por ter sido baseada em suposições

A Segunda Turma Criminal do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) decidiu hoje (12) absolver o ex-deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) do crime de concussão.

O colegiado julgou uma apelação protocolada pela defesa de Fraga para anular sentença proferida pela primeira instância, que o condenou a 4 anos e 4 meses de reclusão, em setembro do ano passado.

Por unanimidade, os desembargadores entenderam que a sentença deve ser anulada por ter sido baseada em suposições. Com isso, o colegiado não concordou com denúncia apresentada pelo Ministério Público, em 2011, que acusou o ex-parlamentar de ter exigido, por meio de seu motorista, propina para assinar contratos de licitação entre o governo do Distrito Federal e uma cooperativa de transporte público.

De acordo com os promotores, o caso teria ocorrido quando Fraga ocupava o cargo de secretário de Transportes do DF, durante o governo do ex-governador José Roberto Arruda.

Fraga foi candidato ao governo do Distrito Federal nas eleições do ano passado e foi deputado federal pelo DF durante quatro mandatos.


Ibaneis-2.jpg

Ricardo Callado12/09/20195min

Grand Slam internacional que será sediado na cidade é um passo na disputa de atletas por uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020

Por Hédio Ferreira Júnior

Pela primeira vez, um dos maiores eventos esportivos mundiais de judô será disputado em Brasília. Entre 6 e 8 de outubro, o Grand Slam de Judô 2019 vai trazer para a cidade centenas de atletas e visitantes que poderão acompanhar de perto a disputa de judocas de 14 categorias por uma pontuação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, no João, em 2020. Esta será a maior edição de Grand Slam Judô do país com atletas de 58 países e 387 judocas já inscritos até agora.

Nesta quinta-feira (12/9), o Palácio do Buriti se encheu de atletas da cidade, inclusive medalhistas, na solenidade de lançamento e apresentação das medalhas e da mascote (um lobo guará) que simbolizará o Grand Slam na capital. Esta será a quinta vez que o Brasil recebe o evento – as quatro primeiras edições, de 2009 a 2012, ocorreram no Rio de Janeiro. Este também será a primeira disputa do Circuito Mundial da Federação após o Campeonato Mundial do Japão, no mês passado.

A disputa do Grand Slam de Judô vale até mil pontos no ranking mundial do esporte. Por sediar o evento, o Brasil poderá inscrever até quatro atletas em cada uma das 14 categorias de peso em disputa nos tatames. O restante dos países só poderá inscrever até dois. A lista completa dos brasileiros que serão inscritos no campeonato será anunciada em 22 de setembro, após a disputa do Troféu Brasil Interclubes, também sediado na capital.

Investimentos

O Governo do Distrito Federal (GDF) tem investido no esporte e na realização de eventos esportivos na cidade. Somente no Grand Slam Brasília de Judô serão R$ 3 milhões – recursos garantidos por meio de verbas parlamentares da Câmara Legislativa. O governador Ibaneis Rocha aproveitou para anunciar que a partir do ano que vem, todos os 12 centros olímpicos e paraolímpicos do Distrito Federal passarão a contar com o judô entre suas modalidades esportivas.

“Brasília irá se transformar na capital mundial dos esportes e estamos trabalhando para isso “, disse. Os centros esportivos atendem atualmente cerca de 40 mil alunos. “Acreditados nas artes maciais como um fator transformador de educação e disciplina de jovens e crianças”, declarou o secretário de Esportes do DF, Leandro Cruz.

Mais recursos

O crescimento de Brasília no calendário nacional de eventos esportivos se reflete na arrecadação do Estádio Nacional Mané Garrincha. De janeiro a setembro de 2019 a arena já arrecadou, com jogos e outros eventos, R$ 1.339.739,09, somando 53 eventos, sendo 20 jogos de futebol – dentre seis grandes partidas dos campeonatos Carioca, do Brasileiro e um da Seleção Brasileira contra o Catar. Entre 26 de outubro e 17 de novembro, o gramado sediará também a Copa do Mundo Sub-17 da FIFA.

Com partidas de futebol, foram arrecadados pelo GDF R$ 839.815,59. O valor é dez vezes maior do que a receita gerada pelo estádio no mesmo período de 2017 e duas vezes mais do que em 2018. Esse aumento na arrecadação se reflete no aumento de público que frequenta o estádio, inclusive com a realização de mais jogos do que nos anos anteriores.


aeroporto-executivo-terracap.jpg

Ricardo Callado12/09/20196min

Medida, que será executada nesta quinta-feira (12), prevê que a Infraero prestará serviços ao local por um período inicial de 12 meses

A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) publicou, nesta quarta-feira (11), no Diário Oficial do DF (DODF), o contrato com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), cujo objeto é a administração, gestão e operação transitória do Aeródromo Botelho. A prestação de serviços da Infraero tem duração inicial de 12 meses.

Em agosto, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) expediu decisão que determina a imediata reintegração de posse à Terracap – medida que será executada nesta quinta-feira (12), por um oficial de justiça e integrantes da empresa pública. Uma vez reintegrada, os investimentos feitos na área passarão a integrar o patrimônio da agência.

Os ocupantes dos hangares deverão comparecer ao edifício-sede da Terracap até o dia 20 (sexta-feira), para preencher um formulário de manifestação de interesse. A agência expedirá uma licença de uso precária – onerosa – para que não haja a interrupção das atividades no local.

Interesse público

A prioridade da empresa é dar continuidade à aviação executiva no local, a fim de não sobrecarregar o Aeroporto Internacional Presidente Juscelino Kubitschek ou mesmo causar a evasão dos usuários para as cidades de Goiás mais próximas a Brasília, como Formosa e Luziânia, onde estão localizados outros aeroportos.

Segundo o presidente da Terracap, Gilberto Occhi, manter a atividade aeroviária no local é preservar o interesse público. Ele explica que o aeródromo ocupa menos de 10% da referida área. “Além do aeroporto, cabem ali diversos outros projetos de investimento”, situa. “Trata-se de uma área que tem um fluxo e que pode ser utilizada como polo logístico, como um projeto imobiliário, seja ele residencial, seja ele comercial”.

Uma das possibilidades levantadas por Occhi é a instalação de uma usina de energia fotovoltaica no local, o que, em sua avaliação, traria benefícios ao projeto. “A Terracap está falando de uma área que vai gerar emprego e renda e vai trazer desenvolvimento para todo o Distrito Federal”, sintetiza.

Todos os atos do novo Aeroporto Executivo de Brasília serão regulados pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), assim como pela Secretaria de Aviação Civil.

O aeródromo

Localizado em São Sebastião, às margens da BR-251, o Aeródromo Botelho fica a 25 minutos do centro de Brasília. Atualmente, é utilizado para voos não comerciais e dispõe de equipamentos de aviação de pequeno porte. No local, há uma pista de pouso e decolagem com aproximadamente 1.550 metros de comprimento e 23 metros de largura, além de 119 hangares que abrigam cerca de 260 aeronaves. A área total é de 977 hectares, dos quais 80 são ocupados pelas instalações do aeródromo.

Histórico

José Ramos Botelho arrendou a Área Isolada Cava de Cima nº 03 – Rodovia DF- 251 para atividades rural e agrícola. O terreno está localizado na zona rural de São Sebastião, não sendo permitida a exploração aeroviária e comercial da área.

Diante do desvirtuamento do uso de terras públicas e da construção de hangares sem alvará, o Ministério Público do Distrito Federal abriu investigação para apurar irregularidades no Aeródromo Botelho.

Em 2014, a Terracap entrou com uma ação de reintegração de posse, tendo a sentença sido julgada em primeira instância em 2016 e confirmada pelo TJDFT.  O concessionário recorreu. Esgotaram-se os recursos e, em agosto deste ano, o tribunal determinou a completa reintegração, negando o ressarcimento pelas benfeitorias ao espólio Botelho.

No meio da briga judicial, ainda em 2017, os ocupantes dos hangares compareceram à Terracap com a proposta da criação do aeroporto executivo. A partir dessa demanda, a empresa pública desenvolveu estudos e confirmou a vocação da área, que será licitada em breve.

 

Com informações da Terracap


CLDF-rodoviaria.jpg

Ricardo Callado12/09/20195min

A diversidade do Distrito Federal esteve representada, na tarde desta quarta-feira (11), na Rodoviária do Plano Piloto, onde foi realizada sessão ordinária itinerante do Legislativo do DF, como parte do projeto “Câmara Mais Perto de Você”. Líderes comunitários, usuários do sistema de transporte urbano, comerciantes, rodoviários, moradores de variadas regiões puderam apresentar reivindicações e sugestões, além de dialogar com os deputados distritais. “É a Câmara Legislativa do Distrito Federal no coração de Brasília”, afirmou o presidente da Casa, deputado Rafael Prudente (MDB).

Com a palavra franqueada, a população pôde falar à vontade sobre os mais diversos temas. Houve, por exemplo, pedidos de iniciativas para a geração de empregos e de melhores condições de trabalho para os comerciantes instalados na Rodoviária, com manifestações contrárias à “privatização” do terminal. Também foram solicitadas novas linhas de ônibus para atender áreas distantes do Plano Piloto, bem como melhorias nos equipamentos públicos do local: banheiros, elevadores e escadas rolantes. Usuários ainda reclamaram da falta de regularidade dos coletivos e da ausência de acessibilidade para pessoas com deficiências.

A sessão da CLDF foi acompanhada por secretários de diversas pastas do GDF e dirigentes de empresas públicas aos quais Prudente se dirigiu quando listou as solicitações apresentadas. “Encaminharemos os pedidos ao Executivo, especialmente ao administrador da Rodoviária”, disse, garantindo que nenhuma reivindicação apresentada ficará sem resposta. Antes do término, inclusive, foi anunciado que, no máximo, em 60 dias todos os equipamentos disponíveis no terminal estarão em funcionamento. Hoje, funcionavam cinco das 12 escadas rolantes e dois dos seis elevadores.

Coração – Vários dos deputados distritais presentes ao “Câmara Mais Perto de Você” falaram durante a sessão itinerante. Arlete Sampaio (PT) declarou considerar a Rodoviária do Plano Piloto, “o coração pulsante do Distrito Federal”, lembrando que mais de 600 mil pessoas transitam diariamente no local. Ela se posicionou a favor da permanência dos atuais comerciantes ocupando as lojas do terminal.

Jorge Vianna (Podemos) apontou alguns problemas: a falta de área de desembarque para quem se dirige à Rodoviária em automóveis; a ausência de um posto de saúde para atender os rodoviários; além da dificuldade de se obter informações. Enquanto o deputado Roosevelt Vilela (PSB) destacou a necessidade de “resgate” do local para que possa ser, de fato, um ponto turístico. “Falar neste local é falar com todo o Distrito Federal”, comentou.

Leandro Grass (Rede) fez críticas a dificuldades da mobilidade urbana do DF como um todo. “Problemas do governo, de um modo geral, acabam refletindo-se na Rodoviária”, assinalou. Para ele, o terminal não deve se transformar num shopping: “Precisa ser um espaço humanizado. Com lojas, mas, também, atividades artístico-culturais”. Ainda chamou a atenção para a situação dos moradores de rua.

Por sua vez, a deputada Júlia Lucy (Novo) defendeu “novas propostas” para o local, salientando que o governo não irá resolver os problemas que se avolumam. “Não dá para continuar acreditando que o Estado vai solucionar tudo”, reiterou. A parlamentar acredita que a solução virá da iniciativa privada. “A Rodoviária desde sempre sofre com as mesmas dificuldades e isso ocorre porque o que é para o pobre é sempre mal gerido”, completou.


caixa-fgts.jpg

Ricardo Callado12/09/201911min

Por Kelly Oliveira

Os primeiros a receber até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) terão os valores depositados amanhã (13). A Caixa Econômica Federal vai iniciar o depósito automático para quem tem conta poupança no banco, seguindo calendário de mês de nascimento.
Quem nasceu em janeiro, fevereiro, março e abril recebe primeiro. Os próximos a ter acesso ao saque serão os nascidos em maio, junho, julho e agosto, no dia 27 deste mês. Em seguida, no dia 9 de outubro, recebem os nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro.

Segundo a Caixa, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. Os clientes do banco que não quiserem retirar o dinheiro têm até 30 de abril de 2020 para informar a decisão em um dos canais divulgados pela Caixa: site, Internet Banking ou aplicativo no celular.

Para aqueles que não têm conta poupança na Caixa, aberta até o dia 24 de julho de 2019, o calendário começa no dia 18 de outubro, para os nascidos em janeiro, e vai até 6 de março de 2020, para os nascidos em dezembro.

Confira calendário de pagamentos para quem não tem conta poupança na Caixa:

Saque imediato

A Medida Provisória (MP) nº 889/2019 autorizou essa nova modalidade de retirada de recursos do FGTS, chamada de Saque Imediato, válida somente esta vez. A MP permite que todos os trabalhadores, com contas ativas ou inativas do FGTS, possam sacar até R$ 500 de cada uma delas, limitado ao valor do saldo.

Por exemplo, se o trabalhador tiver duas contas – uma com saldo de R$ 120 e outra com saldo de R$ 1.000, poderá sacar o valor total da primeira (R$ 120) e R$ 500 da segunda. Assim, o total ficará em R$ 620.

Para saber os valores disponíveis para o saque, os canais de recebimento e as opções de crédito em conta, é só acessar o site da Caixa e informar número do CPF, do NIS (Número de Identificação Social), do PIS (Programa de Integração Social) ou do Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) e a data de aniversário.

Outra opção para acompanhar as informações sobre o FGTS é um aplicativo, criado pela Caixa, disponível para download nas lojas App Store e Google Play. Outras informações podem ser acessadas no site criado pelo banco ou pela central de informações: 0800 724 2019.

Para quem não tem conta poupança na Caixa, o saque de até R$ 100,00 por conta pode ser feito em lotéricas, usando o número do CPF e o documento de identificação. Já os saques de até R$ 500 podem ser feitos nas lotéricas ou correspondentes Caixa Aqui, com apresentação do documento de identidade e Cartão do Cidadão com senha. Também é possível sacar nos terminais de autoatendimento (caixa eletrônico) da Caixa, utilizando o número do CPF, PIS, Pasep ou NIS e a senha do Cartão Cidadão (não é necessário ter o cartão físico). Quem não tem o Cartão Cidadão, deve procurar uma agência da Caixa.

Prazo para o saque

Os trabalhadores poderão sacar a partir do dia indicado no calendário para início do pagamento, conforme a data de seu aniversário, até 31 de março de 2020. Não haverá direito a essa modalidade de saque nos próximos anos. Caso o trabalhador não faça o saque até essa data, o valor retornará automaticamente para a conta do FGTS, sem prejuízo da rentabilidade do período.

Saque aniversário

Outra modalidade criada pela MP nº 889/2019 é o Saque Aniversário, válida a partir do próximo ano. Os trabalhadores interessados em migrar para essa sistemática poderão comunicar a decisão à Caixa. O banco vai divulgar informações sobre como e onde optar por esse saque no dia 1º de outubro de 2019.

A decisão de migrar para essa modalidade não anula a multa de 40% em caso de demissão sem justa causa. No Saque Aniversário, o trabalhador demitido sem justa poderá sacar somente o valor da multa rescisória do FGTS. Os demais valores poderão ser retirados, em parcela, anualmente.

A modalidade não altera outras formas de retirada dos recursos: compra da casa própria e aposentadoria.

Quem fizer a mudança, só poderá retornar à modalidade anterior após dois anos da data da solicitação à Caixa. Caso o trabalhador não comunique o interesse no tipo de saque, a regra da rescisão será mantida.

Os trabalhadores com mais de uma conta ficarão sujeitos a somente uma sistemática de saque, ou seja, uma vez escolhida a modalidade Saque Aniversário todas as contas migram ao mesmo tempo.

Em 2020, as retiradas do Saque Aniversário ocorrerão em abril (para quem nasceu em janeiro e fevereiro), maio (para quem nasceu em março e abril) e junho (para quem nasceu em maio e junho). Para nascidos de julho a dezembro, o saque em 2020 ocorrerá a partir do mês de aniversário até o último dia útil dos dois meses seguintes. Exemplo: quem nasceu em agosto poderá retirar o dinheiro de agosto até o fim de outubro. A partir de 2021, todos os saques ocorrerão no mês de aniversário ou nos dois meses seguintes.

O valor do saque anual será equivalente a um percentual do saldo da conta, para todas as faixas, mais um valor fixo para contas a partir de R$ 500,01, conforme a tabela abaixo:

Garantia de empréstimo

Quem migrar para o Saque Aniversário poderá antecipar os recursos do FGTS, numa operação similar à antecipação da restituição do Imposto de Renda. O saque anual será dado como garantia de empréstimos. As parcelas são descontadas diretamente da conta do FGTS no momento da transferência do recurso do Saque Aniversário.

Divisão de resultados do FGTS

O FGTS continua rendendo 3% ao ano, mais a taxa referencial (TR). Já a divisão de resultados mudou com a edição da MP: em vez de receber 50% dos ganhos do FGTS, o trabalhador receberá 100% do resultado do fundo. Em 2017 e 2018 foram distribuídos 50% dos lucros do FGTS.

A distribuição do lucro será feita nos meses de agosto. No mês passado, o trabalhador que tinha conta com saldo em dezembro de 2018 recebeu o crédito da distribuição de 100% dos lucros do FGTS.

O que é o FGTS

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço foi criado em 1966 com o objetivo de proteger o trabalhador demitido sem justa causa, mediante a abertura de uma conta vinculada ao contrato de trabalho. A Caixa passou a ser o agente operador do fundo em 1990.

No início de cada mês, os empregadores depositam em contas administradas pela Caixa o valor correspondente a 8% do salário de cada funcionário. Tem direito ao FGTS todo trabalhador brasileiro com contrato de trabalho formal, regido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), e também trabalhadores domésticos, rurais, temporários, intermitentes, avulsos, safreiros (operários rurais que trabalham apenas no período de colheita) e atletas profissionais.


dentro-4-1200x798.jpg

Ricardo Callado12/09/20194min

Iniciado em julho, o reparo tem conclusão prevista para outubro. Valor da obra, que inicialmente era de R$ 6 milhões, baixou para R$ 1,2 milhões

Por Ana Luiza Vinhote

A recuperação da plataforma superior da Rodoviária do Plano Piloto estará 90% concluída neste mês. Segundo a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), o cronograma de obras do contrato emergencial está sendo cumprido para garantir a segurança dos usuários. A conclusão do reforço e da demolição da laje Leste está prevista para outubro. O valor da obra, que inicialmente era de R$ 6 milhões, baixou para R$ 1.192.668,71.

Desde de julho, quando o governo iniciou os reparos, até esta semana, foram feitos o escoramento da plataforma inferior, o tratamento das fissuras e a demolição da laje Oeste. A colagem da manta de fibra de carbono – moderna, resistente e econômica comparada ao aço – está sendo feita este mês. O material aumenta em dez vezes a firmeza da estrutura, que é impactada diretamente pela passagem de veículos na parte superior do terminal.

As fissuras acima de 0,3 mm foram abertas e um material chamado epóxi foi injetado. “As próximas etapas são as mais rápidas. O processo de catalogar as fissuras era o mais difícil. São 30 mil metros quadrados de área e foi preciso entrar em cada uma”, explica a engenheira da Novacap responsável pela fiscalização da obra, Simone Paiva.

Ainda de acordo com Simone, a laje do lado Leste ainda não foi demolida porque seria necessário fechar mais um acesso do espaço público. “Poderia ser feito concomitantemente, mas temos uma via e uma escada de acesso única. Se fizéssemos de uma vez prejudicaríamos tanto o trânsito de pessoas quanto de veículos”, salienta.

A finalização da cobertura será concluída em novembro, pois faz parte do contrato de revitalização da Novacap. Atualmente, 55 técnicos e engenheiros do governo estão trabalhando diariamente na obra causando menos impacto a cerca de 720 mil pessoas que passam diariamente pelo local.

Entenda

Após vistorias da Novacap detectarem dilatação nas fissuras da estrutura que dá sustentação ao piso superior da Rodoviária do Plano Piloto, o governador Ibaneis Rocha determinou que o trânsito fosse totalmente interrompido. Como medida de segurança, o trânsito de veículos pesados está suspenso. O tráfego de carros e motocicletas só é permitido na pista que liga o Eixo L Sul ao Eixo L Norte. Por ali, condutores que se deslocam da Asa Sul para a Asa Norte seguem na mesma via, porém, com apenas duas faixas de acesso liberadas.

Já a terceira faixa foi revertida para atender o fluxo dos motoristas que seguem em sentido contrário, da Asa Norte para a Asa Sul. Nenhum veículo pode atravessar a via que liga o shopping Conjunto Nacional ao Conic, no sentido Norte-Sul. Por ali o trânsito foi totalmente interrompido e só é permitida a passagem de pedestres e ciclistas. Os estacionamentos da parte superior da rodoviária também foram temporariamente interditados.



Sobre o Blog

Aos 14 anos, o Blog do Callado é um veículo consolidado, admirado por seus leitores e em sintonia com o público alvo: a população brasiliense. O blog é um site de opiniões e notícias com atualização diária, sem cunho ideológico. Dedica-se a oferecer aprimoramento da informação, com uma audiência qualificada.


NOS BASTIDORES DA CAIXA DE PANDORA

Pandora




Mídias Sociais

Twitter do Blog


FANPAGE Facebook

Social LikeBox & Feed plugin Powered By Weblizar



Parcerias