Arquivos Brasília - Blog do Callado


Ricardo Callado17/09/20197min

Presidente do BRB fala a empresários durante palestra no LIDE BRASÍLIA

O presidente do Banco de Brasília (BRB), Paulo Henrique Costa, detalhou aos membros do LIDE BRASÍLIA o plano de recuperação e expansão da instituição. Ele foi o convidado para o almoço-palestra do grupo de líderes empresariais, realizado nesta terça-feira (17), no Kubitschek Plaza Hotel. Na sua apresentação, intitulada “O papel do BRB como banco de desenvolvimento”, ele detalhou como pretende estreitar as relações com do setor produtivo.

Na sua saudação a Paulo Henrique Costa, o presidente do LIDE BRASÍLIA, o empresário Paulo Octavio, detalhou a trajetória do comandante da instituição bancária, lembrando que, sob seu comando, o BRB apurou um lucro líquido de R$ 160,9 milhões, no primeiro semestre deste ano, alta de 18,9% quando comparado ao mesmo período do ano passado. Mas aproveitou para fazer uma crítica aos bancos do País como um todo. “Nós, do setor produtivo, sempre tivemos dificuldades com o setor financeiro, que se portou como adversário. A gente espera que o BRB, ao concentrar seus esforços no DF, possa aglutinar o setor produtivo”, disse.

O presidente do banco iniciou sua palestra falando do desafio que o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, fez durante as comemorações dos 53 anos da instituição, de recuperar a instituição e de fazê-la estar mais próximo do setor produtivo e de ser protagonista no financiamento, no desenvolvimento social e econômico em um primeiro momento aqui no DF e depois avançar para outras regiões do país, especialmente no Centro-Oeste. “O primeiro passo foi o entendimento do governo da necessidade de um banco que tenha a capacidade de entender a realidade da região, dos nossos clientes e dos empresários e, a partir daí, usar o conhecimento local na construção de soluções que de fato atendam a essa população”, disse.

Paulo Henrique Costa lembrou que o banco, nos últimos anos, estava quase que exclusivamente funcionando em torno da folha de servidores do GDF, e não tinha mais o caráter de desenvolvimento em seus planos. A partir da sua gestão, o BRB mudou a forma de agir para voltar a ter representatividade nesta área para, ao final dos quatro anos, ter sustentabilidade e rentabilidade como banco público, podendo atuar de uma maneira completa e capaz de promover produtos e serviços financeiros a todos os públicos.

Durante a palestra, Paulo Henrique Costa firmou o compromisso com os empresários do LIDE de construir um banco público sólido, moderno, ágil, eficiente e competitivo para ser protagonista no desenvolvimento econômico e social do DF. Para alcançar este objetivo, o banco deve oferecer, além dos seus produtos comerciais, como cartão de crédito e cheque especial, linhas de créditos com condições diferenciadas, com prazos mais longos e taxas de juros mais compatíveis, além de buscar financiamentos nacionais e internacionais. A prioridade de atuação do BRB será a alocação de recursos nas cadeias produtivas especificas que gerem emprego e renda, e que procurem trazer retorno social mais amplo.

 

A HORA DO SAMBA

Antes de o presidente do BRB realizar sua palestra, o secretário de Cultura, Adão Cândido, apresentou o projeto de apoio ao desfile da Unidos de Vila Isabel que, em 2020, fará uma homenagem aos 60 anos de Brasília. O GDF vai ajudar a escola a captar R$ 4 milhões para o Carnaval. “Temos uma parceria com a escola e estamos tentando ajudá-la a captar recursos para o desfile”, ao apresentar o carnavalesco Edson Pereira, que contou alguns detalhes do enredo “Gigante pela própria natureza – Jaçanã e um índio chamado Brasil”.

Paulo Octavio, presidente do LIDE BRASÍLIA, defendeu o apoio do grupo ao evento, usando os recursos via Lei Rouanet. “O projeto está aí e todas as empresas têm um valor que podem destinar. Acho que vale a pena destinarmos o que cabe a cada empresa, qualquer valor que seja, para atender à demanda que nos foi apresentada”, avaliou.

Além do secretário de Cultura e de empresários e dirigentes de entidades representativas do setor produtivo, diversos políticos do DF estiveram na palestra, como o senador Izalci Lucas (PSDB), a deputada federal Celina Leão (PP), o presidente da Câmara Legislativa, Rafael Prudente (MDB), o deputado distrital Cláudio Abrantes (PDT), os secretários José Humberto Pires de Araújo (Governo), Ruy Coutinho (Desenvolvimento Econômico) e André Clemente (Fazenda) e os presidente da Terracap, Gilberto Occhi.

 

SOBRE O LIDE

Fundado em junho de 2003, o LIDE – Grupo de Líderes Empresariais é uma organização de caráter privado, que reúne empresários em nove países e quatro continentes. Atualmente tem 1.300 empresas filiadas (com as unidades nacionais e internacionais), que representam 53% do PIB privado brasileiro. O objetivo do Grupo é difundir e fortalecer os princípios éticos de governança corporativa no Brasil e no exterior, promover e incentivar as relações empresariais e sensibilizar o apoio privado para educação, sustentabilidade e programas comunitários. Para isso, são realizados inúmeros eventos ao longo do ano, promovendo a integração entre empresas, organizações, entidades privadas e representantes do poder público, por meio de debates, seminários e fóruns de negócios.


concurso.jpg

Ricardo Callado17/09/20193min

São 40 vagas para contratação imediata e mais 80 de cadastro de reserva. Salário é de R$ 14.970. Inscrições serão abertas em novembro

Por Renata Moura 

Quem deseja ingressar na carreira de auditor fiscal da Receita do DF pode se preparar: o Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta terça-feira (17) trouxe o edital para o próximo concurso da categoria, que deve acontecer em 2 de fevereiro de 2020.

A banca examinadora selecionada para organização a concorrência é o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

Segundo a publicação, serão 40 vagas para contratação imediata e mais 80 de cadastro de reserva. Os candidatos deverão ter diploma superior em qualquer área de formação registrado no MEC. A remuneração do auditor fiscal é de R$ 14.970 para carga horária de 40 horas/semanais.

As inscrições poderão ser feitas, exclusivamente, pela internet, no site www.cebraspe.org.br entre os dias 22 de novembro e 19 de dezembro de 2019. A taxa de inscrição é de R$55. Confira o edital aqui.

Os candidatos deverão enfrentar provas objetivas e prova discursiva, além de avaliação de vida pregressa.


Concurso da Receita

Ampla concorrência (geral) 

24 vagas

Negros 

8 vagas

Deficientes 

8 vagas

Cadastro de reserva

80 vagas


POLO-JK-777x437.jpg

Ricardo Callado17/09/20192min
Os recursos extras do FCO, a taxas de juros subsidiadas entre 7% e 11%, foram definidos na reunião do Condel e vão gerar emprego e renda
Os empresários do Distrito Federal e Região Integrada do DF e entorno (Ride) terão uma linha de crédito extra de R$ 140 milhões para financiar seus projetos.

A decisão foi tomada nesta segunda-feira (16) durante a 12ª reunião ordinária do Conselho Deliberativo do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Condel/Sudeco), com a presença do secretário de Desenvolvimento Econômico, Ruy Coutinho.

O volume amplia no DF o total de financiamento para novos e antigos empreendimentos, inicialmente previsto para R$ 702 milhões – o equivalente a 10% de todo o orçamento do fundo.

7% a 11%Taxas dos juros cobrados nos recursos do FCO, dependendo do volume financiado

Esses recursos extras do FCO para o DF servirão de lastro para financiar empreendimentos já identificados e aprovados pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Estes projetos vão precisar de, pelo menos, R$ 100 milhões para serem implementados.

“Essa ampliação revela os primeiros sinais de que a economia começou a se recuperar no DF”, disse o subsecretário Espedito Henrique de Souza Junior.

Com informações da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE)


image002.jpg

Ricardo Callado17/09/20193min

Currículos podem ser enviados até o dia 04 de outubro de 2019

Está aberto processo seletivo da Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF) para servidores interessados em atuar em procedimentos administrativos disciplinares (PAD), realizados pela Coordenação de Procedimentos Administrativos Disciplinares e de Fornecedores (COPDF), e em tomadas de contas especiais (TCE), realizadas pela Coordenação de Tomada de Contas Especiais (COTCE). A seleção será feita conforme critérios e procedimentos estabelecidos na Portaria n° 397, de 11 de setembro de 2019.

Os interessados em participar do processo seletivo têm que ser integrantes das carreiras de nível médio ou superior da Administração Pública do GDF. A avaliação dos candidatos será realizada por meio de análise de currículo, levando em consideração o tempo de experiência na área de correição e as especializações do servidor, e de entrevista presencial com a Subcontroladora de Correição Administrativa da CGDF, Luciana da Silva Barbosa.

Os currículos já estão sendo recebidos e os interessados podem enviá-los até o dia 04 de outubro, em formato PDF, para o e-mail: sucor@cg.df.gov.br. As entrevistas serão feitas entre os dias 07 e 11 de outubro de 2019 e o resultado da seleção será divulgado no dia 15/10, no site da CGDF: www.cg.df.gov.br.

O servidor cujo regime de trabalho seja de 40 horas semanais poderá cumprir em caráter complementar ao equivalente a sua jornada de 8 horas, até 1 hora por dia, trabalhado em regime de sobreaviso, conforme Portaria Interna nº 23, de 26 de junho de 2019, da CGDF.

O servidor poderá realizar serviços sob a forma de Teletrabalho, de acordo com o Decreto nº 39.368 de 04 de outubro de 2018, e regulamentado pela Portaria nº 49, de 1º de fevereiro de 2019, desta Controladoria-Geral.


detran-foto-mary-leal.jpg

Ricardo Callado16/09/20193min

Detran-DF vai promover ações educativas para condutores, ciclistas e pedestres

Foto: Mary Leal

O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) abre, nesta quarta-feira (18), às 10h, na Praça do Buriti, a Semana Nacional de Trânsito e Mobilidade. Instituída pelo Código de Trânsito Brasileiro, a campanha é composta por eventos que se realizam até o dia 25.

Este ano, o tema definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) para as ações em todo o país é No trânsito, o sentido é a vida. O objetivo é conscientizar os usuários das vias públicas sobre a importância de obedecer às leis, respeitar o espaço do próximo e do veículo maior e sempre proteger o menor, para garantir a segurança no trânsito.

Em parceria com outros órgãos públicos, embaixadas, instituições privadas e organizações sociais, o Detran-DF realizará diversas ações de conscientização voltadas a motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres. Haverá distribuição de materiais informativos, atividades educativas, intervenções artísticas, palestras e exposição de viaturas e do helicóptero do Detran, além de demonstrações com um simulador de capotamento, óculos de realidade virtual e óculos que simulam o estado de embriaguez.

Semana Nacional de Trânsito e Mobilidade

Abertura: quarta-feira (18), às 9h, na Praça do Buriti. Atividades programadas para o período das 9h às 17h, no mesmo local, até sexta-feira (20).

Sábado (21) – Atividades das 9h às 13h, no Estacionamento 12 do Parque da Cidade.

Domingo (22) – Atividades das 9h às 13h, no Eixão do Lazer.

Segunda-feira (23) – Atividades das 9h às 17h, no Detran Sede (Asa Norte).

Terça-feira (24) – Atividades das 9h às 17h, na Diretoria de Educação do Detran-DF (Quadra 906, Asa Sul).

Quarta-feira (25) – Atividades das 9h às 17h, no Detran Sede (Asa Norte)

Com informações do Detran/DF


Park-Way-1.jpeg

Ricardo Callado16/09/20196min

José Joffre Nascimento recebeu a missão de administrar o Park Way pelas mãos do ex-governador Rodrigo Rollemberg. O governador Ibaneis Rocha atendeu o pedido de um grupo de moradores e manteve Joffre no comando da região administrativa

Por Poliglota

O que poucas pessoas tinham conhecimento era que a Região Administrativa era dividida entre ricos e pobres. O primeiro grupo é formado pelos moradores das mansões cinematográficas que estão espalhadas pelo Park Way rico. Já o segundo grupo é formado pelos moradores da Vargem Bonita, Córrego da Onça, Coqueiro I e II e Granja do Ipê, que em sua maioria são pessoas simples e que acabam servindo de mão de obra para os moradores do Park Way.

Ibaneis teve uma votação expressiva no segundo turno das eleições de 2018 e um de seus compromissos com o Distrito Federal foi realizar um governo igual para todos.

Recentemente o governador criou as regiões administrativas do Pôr do Sol e Sol Nascente e da Arniqueiras. Ações com foco no desenvolvimento das regiões.

A última ação do governo foi a substituição de Joffre da administração do Park Way. Em seu lugar entra Aline Gomes de Faria, moradora da cidade, que carrega a missão de administrar não apenas para os ricos, mas principalmente com um olhar voltado para as regiões mais carentes.

O objetivo de Aline no comando da administração será garantir serviços de qualidade para toda comunidade, sem exceção. Os moradores das regiões mais carentes comemoraram a decisão do governo. Outro foco da administração será manter de forma técnica, os padrões ecológicos que a região necessita.

Aline tem experiência e recentemente ocupava o cargo de chefe de gabinete da administração. Acerta o governo em manter os serviços que vinham sendo realizados e avança no quesito social com um olhar voltado para os mais carentes.

“Óbvio que contamos com a ajuda do deputado Hermeto no quesito emendas parlamentares. Nossa área é imensa, tem uma grande diversidade e tenho certeza de que tudo que foi comprometido lá atrás será cumprido. Confio nisso para um bom desenvolvimento de nosso trabalho”, disse Aline.

Joffre não aceitou a exoneração e saiu atacando o deputado distrital Hermeto em grupos de WhatsApp. Joffre atribui a Hermeto sua exoneração. A verdade é que Joffre trabalhou na última eleição para Rollemberg. A política tem dessas coisas, às vezes o vencedor dorme com o inimigo. Ainda bem que Ibaneis acordou a tempo. Infelizmente o ex-administrador confundiu cargo de confiança com concurso público.

Em sua nota, um tanto contraditória, Joffre fala de forasteiros, mas ele mesmo reconhece que a nova administradora é moradora da cidade. Vai entender!!!

Aline, à direita, nova Administradora do Park Way

Em outro trecho ele afirma que “o deputado (Hermeto) se sentia incomodado na sua busca desenfreada em levar benefícios, muitas vezes não autorizados, às áreas de ocupações irregulares em detrimento das necessidades e demandas dos moradores do Park Way, aqueles que possuem escrituras legais e pagam IPTU”. A nota deixa claro a distinção que o antigo administrador fazia entre os ricos e os mais carentes. Pelo perfil dod eputado, Hermeto trabalha de forma incansável em busca de melhorias para os mais carentes. Tudo dentro da legalidade como é de se esperar de um policial e geógrafo.

Joffre também acusa a troca de servidores técnicos por cabos eleitorais. Fato que por si só não deve ser relevante. Quem conhece Joffre sabe o quanto ele é ético e jamais se submeteria a esse tipo de ação calado, sem colocar seu cargo à disposição em qualquer ameaça ao desenvolvimento da região. Até porque a democracia do voto valida a troca de servidores comissionados imediatamente quando um novo governo é eleito.

Por fim, Joffre afirma que o “governo não é revalidado pela população do Distrito Federal”. Trecho confuso. O governo que não foi validado foi o que Joffre apoiou. Ibaneis foi eleito por ampla maioria. Fica até feio não ter gratidão por quem o manteve no cargo por 8 meses. Mesmo tendo apoiado o candidato ao governo derrotado e um deputado que se coloca como opositor a Ibaneis.

Sucesso à nova administradora, pessoa extremamente carismática, e que o projeto de Ibaneis Rocha de dar prioridade à sociedade de Brasília seja, efetivamente, concretizado.

Fonte: http://doaaquemdoer.com.br com adaptações da redação blog do Poliglota


seca-em-brasilia2.jpg

Ricardo Callado14/09/20197min
A Defesa Civil declarou estado de alerta no Distrito Federal por causa da baixa umidade do ar que ficou entre 12 e 20% esta semana.

A estimativa do Inmet é de que a temperatura baixe para a casa dos 30 graus Celsius (ºC) no fim-de-semana, em Brasília, mas continue alta na próxima semana

Por Jonas Valente

O período de seca que acomete a região central do Brasil não tem previsão para amenizar, segundo o Instituo Nacional de Meteorologia (Inmet). Há dois dias, na quinta-feira (12), a Defesa Civil do Distrito Federal declarou estado de emergência na capital, pela segunda vez, após dois dias consecutivos de umidade relativa abaixo do limite, fixado em 12%.
A estimativa do Inmet é de que a temperatura baixe para a casa dos 30 graus Celsius (ºC) no fim-de-semana, em Brasília, mas continue alta na próxima semana. As máximas devem atingir 31ºC na segunda-feira (16) e 32ºC na terça-feira (17). Já a umidade não deve ter elevação significativa mas deve sair da casa dos 10% e chegar a cerca de 20%.

Conforme o meteorologista do Instituto Olívio Bahia, normalmente as primeiras gotas caem no DF em setembro, mas o mês vem sido marcado por altas temperaturas e forte seca. Ele acrescenta que os estudos de projeção das mudanças no clima realizados pela entidade ainda não indicaram a chegada da chuva.

À Agência Brasil, o técnico não arriscou uma previsão, recorrendo ao histórico de comportamento do clima na região. “A gente está imaginando que a massa [de ar seco] vá perder força. Historicamente chuvas são mais frequentes a partir da segunda quinzena de outubro”, afirmou.

Segundo Bahia, o calor e a seca deste ano não se devem a nenhum fator específico. Eles seriam resultado do que chama de “variabilidade anual”. O que já é uma massa de ar seco mais intensa na região central – que abrange Distrito Federal, Goiás, Tocantins, Centro-leste do Mato Grosso, Nordeste do Mato Grosso do Sul, Norte e Oeste de São Paulo e Centro-oeste da Bahia – está se prolongando e deve se manter por mais dias.

“Estava chovendo no hemisfério Sul e passa a chover no Norte neste período. O padrão de vento não traz umidade, e aí fica seco. É comum termos temperaturas elevadas no Brasil neste período, quando o sol está baixando no movimento aparente. O sol vem do hemisfério Norte, a gente tem muita radiação solar chegando e não tem nuvem, que serve como filtro”, explica o meteorologista do Inmet.

Esse fenômeno, entretanto, se manifesta de forma diferente em regiões e biomas distintos. Embora os dois sejam secos, Cerrado e Caatinga têm aspectos próprios, a exemplo da vegetação ou até mesmo da disponibilidade, bem menor no sertão do Nordeste. Olívio Bahia comenta que muitas vezes há confusão de também comparar as secas com outros locais do mundo, como o deserto, quando são situações bastante diferentes.

Impactos

Esse clima pode ter impactos importantes na saúde. A Organização Mundial da Saúde (OMS) fixa como mínimo razoável o índice de 30% de umidade. A seca pode gerar baixa da pressão arterial, com sensação de cansaço.

Mas para o pneumologista e membro da Sociedade Brasileira de Pneumonia e Tisiologia (SBPT), Carlos Viegas, a maior preocupação deve ser com as doenças respiratórias. “Rinite, sinusite, pneumonia e outras enfermidades decorrentes do processo inflamatório nas vias aéreas são comuns. Além deste ar muito seco, temos presença de fumaça o que possibilita desenvolvimento de problemas alérgicos respiratórios”, ressalta Viegas.

Cuidados

Uma sugestão do médico para que as pessoas verifiquem se estão com a hidratação adequada é a observação da urina. Quanto mais próxima a coloração estiver da água, mais hidratada uma pessoa está. Já se a cor da urina estiver próxima de amarelada forte é importante reforçar o consumo de água ao longo do dia. A sugestão é beber, pelo menos, 3 litros de água por dia.

Segundo o subsecretário da Subsecretaria da Defesa Civil do DF, Coronel Sérgio Bezerra, para quem não costuma tomar muita água é adequado aumentar o consumo gradativamente. Ele sugere não esperar o corpo demandar, mas procurar beber um copo por hora.

Mas o cuidado com o excesso também é importante. “Não precisa exagerar. Quem bebe muita água pode ter baixa de pressão”, alerta o subsecretário da Defesa Civil do DF.

Além disso, é importante evitar atividades físicas entre 11h e 16h e se proteger do sol, evitando ficar em ambiente aberto durante muito tempo e sempre lembrando de passar o protetor. Em momentos de baixa umidade, o uso do umidificador também é recomendável.


BRBcard-777x437.jpg

Ricardo Callado13/09/20192min

Em linha com o mercado e na busca por oferecer aos seus clientes um Banco cada vez mais ágil, moderno e inovador, o Banco de Brasília deu início à liberação de crédito pelo meio digital. O processo nacionaliza o BRB, uma vez que recursos podem ser contratados sem a necessidade da presença em uma agência física do Banco.

O novo processo torna a Instituição cada vez mais digital e é um marco na história do BRB. “Pela primeira vez, o BRB realiza uma operação que o faz sair dos horizontes geográficos da sua área de atuação. Temos uma meta de avançar no Centro-Oeste e será inevitável nos tornarmos um banco nacional”, afirmou o presidente Paulo Henrique Costa.

A liberação das duas primeiras operações em open banking – contratação do produto BRB em um canal digital de Correspondente – foi realizada nesta quinta-feira (12).

O novo canal de contratação tem como expectativa dobrar o resultado do lucro líquido da Financeira BRB.


Sandra-Strauss.jpg

Ricardo Callado13/09/20197min

O encontro será ministrado pela escritora e terapeuta ambiental Sandra Strauss, autora da “Cabala da Casa”, no dia 28 de setembro, das 14h30 às 18h30, no Noroeste (CRNW 510)

O Espaço com Cavaná receberá a escritora e terapeuta ambiental Sandra Strauss no último sábado (28) do mês, no Noroeste (CRNW 510), das 14h30 às 18h30. A carioca, que estuda assuntos energéticos relacionados à Medicina da Casa há 19 anos, abordará conceitos da “Cabala da Casa”, cujo intuito é atrair energias benéficas para ambientes diversificados – residências, estabelecimentos comerciais e até mesmo escritórios. O workshop atende aos interesses dos profissionais da área de Arquitetura e Designer.

De forma prática, o participante terá a oportunidade de conhecer sobre o alinhamento das energias da sua casa e/ou local de trabalho ao aplicar técnicas de harmonização de ambientes na perspectiva da Cabala – conjunto de ensinamentos, estudos, compreensão da realidade e diversos outros aspectos espirituais. É fundamental que os inscritos levem as próprias plantas baixas juntamente com régua e transferidor para os exercícios no dia.

“Semelhante ao corpo humano, a casa tem uma parte física e uma parte metafísica, como se tivesse corpo e alma. Nós temos um fluxo energético incorporal, chamado de árvore da vida, que é medido pelos chacras. A casa também tem esses chacras energéticos, que formam um circuito, representado por símbolos. É como o desenho de um circuito elétrico ou hidráulico”, explica Strauss.

A terapeuta ambiental ainda pontua que cada chacra está relacionado a uma virtude e uma habilidade a ser desenvolvida e, ao conhecer o mapa formado por esses fatores, é possível trabalhar o fluxo energético dentro da casa, sempre associando-o ao morador.

Ao todo, é possível encontrar 72 combinações que constituem chaves de acesso a valores como amor, disciplina, beleza, paz, entre outros pontos importantes para o cotidiano de um local. “É como se fossem ímãs. Entramos em uma frequência para vibrar e atrair determinada coisa”, complementa.

Os interessados terão duas possibilidades de pagamento: R$ 306 à vista, com depósito bancário até quarta-feira (18); ou R$ 360 com opção de parcelamento em duas vezes no cartão de crédito (http://bit.ly/2MQW1qg).  Caso a primeira opção seja escolhida, os inscritos deverão encaminhar o comprovante para o número (61) 99602-4242, via Whatsapp.

Shabat

Para celebrar esse momento especial, onde haverá compartilhamento de ideias e ensinamentos, o Espaço com Cavaná ainda realizará, na sexta-feira (27) que antecede o workshop, um Shabat conduzido pela própria Sandra Strauss. O encontro será aberto ao público.

Além disso, a terapeuta ambiental, parceira do local, também concluirá o trabalho de harmonização no próprio Espaço com Cavaná, onde colocará as letras hebraicas para finalizar o processo.

“Toda energia precisa de algo físico para se manifestar. O mapa da árvore da vida já está na nossa casa e, agora, aguardamos as letras hebraicas para serem colocadas pela Sandra. No momento que forem inseridas, as energias serão ‘ajustadas’ para que a frequência do ambiente se equilibre e traga boas vibrações”, explica Enilce Versiani, sócia e idealizadora do ambiente.

Sobre o Espaço com Cavaná – De origem hebraica, Cavaná significa intenção consciente, foco do coração. Criar um ambiente cuja intenção fosse proporcionar o autoconhecimento e a conexão entre corpo e mente passou a ser o sonho de Enilce Versiani, após abrir as portas de sua casa, nos últimos quatro anos, para realização de palestras e atividades voltadas para a sabedoria milenar da Cabalá. Surgiu então o Espaço com Cavaná – Café e Bistrô, um local acolhedor, uma casa para compartilhar, ideal para prática de meditação, Theta Healing e Constelação Familiar; e para a realização de palestras com temas holísticos, debates sobre filmes e afins. Além disso, é possível desfrutar de uma gastronomia saudável e afetiva.

SERVIÇO:

ESPAÇO COM CAVANÁ
Endereço: CRNW 510 Bloco B Lote 2 Loja 9 – Noroeste, Brasília-DF

Telefone: (61) 99646-7242

Funcionamento: De terça a quinta, das 16h às 22h; sexta, das 16h às 23h; e sábados e domingos, das 9h às 16h.

O que: Cabala da casa, com Sandra Strauss
Quando: 
28/9 (sábado), das 14h30 às 18h30
Onde: 
Espaço com Cavaná (CRNW 510)
Quanto: 
R$ 306 à vista ou R$ 360 com opção de parcelamento em 2x

Foto-Marco-Peixoto-Caesb.jpeg

Ricardo Callado13/09/20192min
Foto Marco Peixoto (Caesb)

Em mais um dia de operação contra o furto de água, a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) removeu um ponto clandestino instalado em uma casa de pôquer no Setor Hoteleiro Norte. O terreno estava com o abastecimento interrompido desde 2014, contudo a água continuava sendo religada de forma clandestina. Ao identificar a nova fraude, a Caesb acionou a Polícia Civil para que a perícia fosse feita e o “gato” desmanchado.

Em outra região do Distrito Federal, um prédio residencial que foi construído com água furtada, também teve o abastecimento ilegal cortado. O empreendimento, localizado na quadra 600 do Recanto das Emas, estava com a água desligada pela Caesb desde 2015.

De janeiro a agosto deste ano, a empresa realizou mais de 16 mil vistorias, nas quais foram identificadas cerca de 1.250 irregularidades. Pelo menos 10 ligações clandestinas são interrompidas por dia. Esses números causam grandes danos à empresa que teve, no ano de 2018, um prejuízo médio de R$ 35 milhões causado por ligações clandestinas.



Sobre o Blog

Aos 14 anos, o Blog do Callado é um veículo consolidado, admirado por seus leitores e em sintonia com o público alvo: a população brasiliense. O blog é um site de opiniões e notícias com atualização diária, sem cunho ideológico. Dedica-se a oferecer aprimoramento da informação, com uma audiência qualificada.


NOS BASTIDORES DA CAIXA DE PANDORA

Pandora




Mídias Sociais

Twitter do Blog


FANPAGE Facebook

Social LikeBox & Feed plugin Powered By Weblizar



Parcerias