Rollemberg troca comandos de quatro administrações regionais

Recanto das Emas, Sobradinho I e II, Fercal e Sudoeste e Cruzeiro começam a semana sob novas direções

Por Millena Lopes, do Jornal de Brasilia – Uma reforma administrativa é cantada pelo governo de Rodrigo Rollemberg desde o início do ano, mas foi só nesta segunda-feira (17) que as mudanças em pelo menos quatro administrações regionais. Conforme publicado no Diário Oficial desta segunda-feira, Recanto das Emas, Sobradinho I e II, Fercal e Sudoeste e Cruzeiro começam a semana sob novas direções.

A ex-secretária da Criança e delegada de polícia Jane Klebia Reis, que vinha acumulando os comandos de Sobradinho I e II e da Fercal, dá lugar a Valter Soares Leite, em Sobradinho I, e Charles de Magalhães Araújo, em Sobradinho II e Fercal. Nos bastidores, a informação é de que Jane assumirá cargo importante no primeiro escalão do Palácio do Buriti. A promessa seria de que ela ficasse à frente da pasta da Mulher.

No Recanto das Emas, Fábio Viana Ávila dá lugar a Paulo Roberto Amancio.

Reginaldo Rocha Sardinha, que acumulava as administrações regionais do Cruzeiro e Sudoeste/Octognal deixa o cargo para Hélio dos Santos. Em um grupo de WhatsApp formado por moradores das regiões, onde diariamente prestava contas do trabalho, Sardinha fez o anúncio: “Quis a todo momento construir uma região amigável, vibrante, integrada e inovadora. Com um trabalho sério e responsável, fomos capazes de conduzir nossa região para a outra margem em tempos de atribulação que passa o DF.”. Agradeceu ao governador “pela oportunidade” e garantiu que continua a “jornada de luta por uma Brasília democrática e com justiça social”.

No Sudoeste/Cruzeiro, moradores já se organizam para manifestar insatisfação com a troca de administradores.

Facebook Profile photo

Jornalista, blogueiro, escritor e consultor político. Exerceu a função de secretário de Comunicação Social do Governo do Distrito Federal. Foi Diretor de Redação do Grupo Comunidade de Comunicação – responsável pelos jornais da Comunidade e O Coletivo. É autor do livro PANDORA – e outros fatos que abalaram a política de Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 


Topo